Erros da Bíblia

Erros da Bíblia

bibliaMuitos gostam de enfatizar discussões sobre hipotéticos erros da bíblia. Pois bem, a estas pessoas cujas vidas são uma constante indagação, fizemos o favor de relacionar quais os erros que elas tanto procuram. Vejam os erros que se encontram na Bíblia.

A Bíblia está CHEIA de erros
• o primeiro erro foi quando Eva duvidou da Palavra de Deus;
• o segundo erro aconteceu quando seu esposo fez o mesmo;
• e assim erros e mais erros ainda estão sendo cometidos…
• porque as pessoas insistem em duvidar da Palavra de Deus.

A Bíblia está CHEIA de contradições
• Ela contradiz o orgulho e o preconceito;
• Ela contradiz a lascívia e a desobediência;
• Ela contradiz o seu pecado e o meu…

Continuar lendo

A Parábola da Indecisão

A Parábola da Indecisão

muroHavia um grande muro separando dois grandes grupos.

De um lado do muro estavam Deus, os anjos e os servos leais de Deus.
Do outro lado do muro estavam Satanás, seus demônios e todos os humanos que não servem a Deus.

E em cima do muro havia um jovem indeciso, que havia sido criado num lar cristão, mas que agora estava em dúvida se continuaria servindo a Deus ou se deveria aproveitar um pouco os prazeres do mundo.

O jovem indeciso observou que o grupo do lado de Deus chamava e gritava sem parar para ele:

– Ei, desce do muro agora… Vem pra cá!

Já o grupo de Satanás não gritava e nem dizia nada. Essa situação continuou por um tempo, até que o jovem indeciso resolveu perguntar a Satanás:

– O grupo do lado de Deus fica o tempo todo me chamando para descer e ficar do lado deles. Por que você e seu grupo não me chamam e nem dizem nada para me convencer a descer para o lado de vocês?

Grande foi a surpresa do jovem quando Satanás respondeu:

– É porque o muro é MEU.

Nunca se esqueça: Não existe meio termo. O muro já tem dono. Pense nisso.

Enviado por D.Edenice Rodrigues

Equipe Movimento Universal – O Movimento é você que faz…

Estudos Bispo Macedo – Grandes Conquistas pela Fé

GRANDES CONQUISTAS PELA FÉ

BXK14384_vitoria800 Por que os filhos de Deus não mantêm o controle das maiores indústrias, das maiores lojas comerciais, das maiores empresas do mundo?

Por que é que muitos filhos de Deus, geralmente, são empregados e às vezes até escravizados pelos filhos do diabo? Por que é que tudo o que há de melhor neste mundo, que deveria pertencer aos filhos de Deus, está nas mãos daqueles que não pertencem a Deus? Será que Deus deseja que os seus filhos vivam uma vida mesquinha nesta terra? Não meu amigo leitor. Mil vezes não!

Deus é o proprietário de tudo o que existe, pois foi Ele quem criou todas as cousas neste mundo para que os Seus filhos pudessem viver abundantemente e, assim, manifestarem a Sua glória diante daqueles que não O têm como o Pai Eterno.

Mas, então, o que fazer para mudar esta situação? É justamente com este objetivo que nós, da Igreja Universal do Reino de Deus, fazemos nossos desafios, nossas campanhas de fé. Nós, os cristãos, temos de nos unir numa só fé, num só Senhor para vencermos as dificuldades que esse mundo nos apresenta, e conquistarmos as bênçãos que Deus tem para cada um de nós.

O nosso objetivo é preparar pessoas para conquistarem o seu espaço e recuperarem o tempo perdido devido a pensamentos tacanhos e obtusos, e serem conscientizadas a respeito da verdadeira vontade de Deus para seus filhos! Para isto nós damos largos passos, de fé e de coragem, e em nenhum momento vacilando, pelo contrário, sendo suficientemente audaciosos para agirmos de acordo com o que cremos de todo o coração!

Eu tenho certeza de que Deus não nos deixou a Sua Palavra apenas para que a soubéssemos de cor e salteado, como uma letra morta, em nossas mentes e corações!

As promessas de Deus não são, e jamais poderão ser consideradas apenas uma teoria filosófica! Elas têm de acontecer em nossas vidas, porque são fiéis e verdadeiros, e temos de usufruir de todos os seus benefícios! Quando os cristãos não tiram proveito das Sagradas Escrituras, e da vida abundante que Deus lhes dá, então o diabo tira proveito dos cristãos!

Ou o cristão é um vencedor ou então ele é um vencido! É justamente para mudar o panorama da Igreja do Senhor Jesus que fazemos nossas campanhas de fé, especialmente para a aqueles que se recusam a continuar vivendo como se ainda fossem ímpios ou pagãos, mas como filhos de Deus.

Portanto, vamos à luta e às conquistas para a glória de nosso Senhor e Deus Jesus Cristo, a fim de que este mundo veja em nós a figura dAquele que venceu até a morte!

Que Deus o abençoe abundantemente!

GRANDES CONQUISTAS PELA FÉ – Download

Equipe Movimento Universal – O Movimento é você quem faz…

Estudos Bispo Macedo – Você Decide

VOCÊ DECIDE

imagesOs filhos devem estar atentos aos mandamentos dos pais e os pais têm que estar preocupados em ensinar o caminho que conduzirá os filhos a uma vida de acordo com a vontade de Deus, conforme nos ensina a Bíblia Sagrada:

“Ouvi, filhos, a instrução do pai e estai atentos para conhecerdes o entendimento; porque vos dou boa doutrina; não deixeis o meu ensino. Quando eu era filho em companhia de meu pai, tenro e único diante de minha mãe, então, ele me ensinava e me dizia: Retenha o teu coração as minhas palavras; guarda os meus mandamentos e vive; adquire a sabedoria, adquire o entendimento e não te esqueças das palavras da minha boca, nem delas te apartes”. (Provérbios 4. 1-5)

Nos evangelhos de Mateus, Marcos, Lucas e João, o Senhor Jesus, em cada Palavra, manifestava uma sabedoria incrível, acima de qualquer sabedoria deste mundo. Era uma sabedoria de vida, de paz e de felicidade.

Quando Ele disse para os discípulos no evangelho de Mateus 5.3: “Bem-aventurados os humildes de espírito, porque deles é o reino dos céus” quis dizer que o humilde de espírito é aquele que aceita as Palavras de Deus como regra de vida. O humilde de espírito está pronto para seguir o ensinamento que lhe é dado.

Nas Escrituras Sagradas, observamos a importância dada à sabedoria: O princípio da sabedoria é: Adquire a sabedoria; sim, com tudo o que possuis, adquire o entendimento. Estima-a, e ela te exaltará; se a abraçares, ela te honrará; dará à tua cabeça um diadema de graça e uma coroa de glória te entregará. Ouve, filho meu, e aceita as minhas palavras, e se te multiplicarão os anos de vida. (Provérbios 4. 7-10).

Quando um pai se preocupa em ensinar ao seu filho o bom conhecimento da Palavra de Deus, instruí-lo no caminho da retidão, da integridade, então esse filho será naturalmente um bom filho e, conseqüentemente, um bom marido e abençoado por Deus. Porém, é justamente o oposto que acontece nos dias atuais. Os pais se preocupam em dar aos seus filhos a sabedoria do mundo. Colocam os seus filhos nos melhores colégios, para que eles venham a adquirir o conhecimento do mundo. E quando esses filhos se formam nesses colégios e universidades, saem com a mesma ganância dos pais. Se os pais têm a preocupação em dar todo conhecimento, seja tecnológico, científico etc, é porque acreditam que a sabedoria do mundo tem mais valor do que a de Deus. E indiretamente acabam vacinando os seu filhos contra Deus, para serem senhores de si mesmos e dos menos favorecidos.

É exatamente daí que nascem os políticos corruptos, que são trabalhados para serem e também sustentarem a corrupção daqueles que estão ao seu redor; as injustiças, pois muitos têm o poder nas mãos para fazer o bem e usam esse poder para o mal, não dando a mínima importância à Palavra de Deus. Para esses, o mais importante é a ciência deste mundo. Quanto a isso bem disse o apóstolo João: “Não ameis o mundo nem as cousas que há no mundo. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele;” (1 João 2.15).

São dois mundos diferentes: o de Deus e o do mundo. Mas aquele cujo coração é humilde, ao adquirir a sabedoria, sai deste mundo para entrar no Reino de Deus. Sim, pois ao adquiri-Ia ele sai da situação em que se encontra e entra no novo reino.

Sabe, amigo leitor, talvez você esteja tão preocupado em concluir seus estudos numa universidade, mas lhe pergunto: Você projeta o seu futuro para quem? Se é para si próprio, naturalmente você vai sucumbir e sofrer, pois aqueles que se tornam aliados deste mundo, sofrem juntamente com ele. Mas aqueles que procuram a sabedoria de Deus, estes serão honrados como disse o Senhor Jesus em Sua Palavra: “Se alguém me serve, siga-me, e, onde eu estou, ali estará também o meu servo. E, se alguém me servir, o Pai o honrará. (João 12.26).

A pessoa que serve ao Senhor Jesus é honrada pelo Pai, e quando Ele honra, quem poderá impedi-Lo? Quem é capaz dê tirar aquilo que Deus nos deu? Aliás, Ele mesmo garante isso em Provérbios 4.6:

“Não desampares a sabedoria, e ela te guardará”.

E é exatamente isso que temos procurado passar para os homens e seus filhos, pois é a única garantia que temos para uma vitória neste mundo e no porvir. Você é quem decide: se vai adquirir a sabedoria de Deus e fazer uso dela ou a deste mundo.

Que Deus abençoe a todos abundantemente.

VOCÊ DECIDE – Download

Equipe Movimento Universal – O Movimento é você quem faz…

Estudos Bispo Macedo – Fé Prática X Fé Passiva

FÉ PRÁTICA X FÉ PASSIVA

solVocê deve sentir, quando chega na IURD, que nós levamos as pessoas a uma fé prática, ao invés de uma fé passiva, que não funciona. É justamente essa fé que você deve buscar e alicerçá-la na Palavra de Deus, para vencer os males que diariamente estão tentando destruir a sua vida.

Esse exercício da fé é diferente do que acontece nas religiões das quais você deve ter participado, onde as pessoas vão aos templos e saem como se não tivessem estado lá, porque ouvem e são orientadas a viverem uma fé que não funciona, pois esta se baseia apenas em argumentos e não em fatos. Na hora da necessidade, elas não têm bagagem, não têm de onde tirar a solução, de onde tirar forças para reagir àquela situação crítica que estão vivendo. Ora, Deus não nos deu fé para que ela ficasse na passividade, na teoria ou apenas sendo exercitada aos domingos pela manhã ou às quartas à noite. Uma fé apenas para ser cantada em prosa e verso. Não! Deus nos deu uma fé concreta , rela e prática, justamente para que viéssemos a combater os inimigos da nossa alma, invisíveis, sem forma, corpo, cor, ou sexo.

Os nossos inimigos são espirituais. E para vencer esses inimigos espirituais é preciso ter força espiritual. Se o inimigo tivesse forma e estivesse armado, então nós compraríamos armas para combatê-lo, tal como fazem as nações. Mas não é bem assim.

Os nossos inimigos estão agindo permanentemente nesse mundo, na nossa alma, na nossa vida. A fé é a única força capaz de combater todos eles. Estou falando de uma fé viva, não de fé estúpida, irracional, mas uma fé inteligente, uma fé alicerçada, fundamentada em uma Palavra que se cumpre e se cumprirá, que é a Palavra de Deus.

Algumas pessoas se preparam como podem para vencer na vida. Elas se armam com a sabedoria, estudam, procuram dar o melhor de si, dão educação para seus filhos e estes se abastecem de cultura, de ciência. E, então, formados e informados da ciência, eles saem à luta no campo de batalho para vencer na vida. Até aí, tudo bem. Só que, com os inimigos espirituais, apenas o preparo intelectual e o conhecimento das coisas, não vai funcionar.

O mundo está desabando. A economia está um caos, e isso é permitido por Deus. Há uma força maligna atuando nas nações, nas famílias e na ciência, tentando levar as pessoas ao desespero. Há uma situação crítica que nem os maiores economistas podem resolver. Cada um traz uma teoria, uma solução, que não resolve. Não há solução natural para isso.

Os conhecimentos, os diplomas e a sabedoria deste mundo pecaminoso não são suficientes. O que resolve é a fé, porque é uma força de Deus.

Quando você manifesta a sua fé, é como se um interruptor fosse ligado e a luz iluminasse tudo.

Há pessoas, por exemplo, que estão perdidas nos vícios. Os tóxicos atingem a camada pobre, a classe média e a classe alta. Atinge todas as camadas. Não há quem possa se livrar desse mal que contamina a humanidade por seus próprios esforços. Por quê? Porque o vício é um espírito, é uma ação maligna, e para vencê-lo não adianta tratamento, no conselho, emprego, remédio. O que adianta de verdade é o poder de Deus, a manifestação da fé.

É por isso que nós procuramos ensinar a você a necessidade de uma fé prática, para que ela seja exercitada a todo instante, a qualquer momento, afim de que você possa sempre conquistar. Esse é o verbo do cristão: “conquistar” .

O próprio Deus disse: “…todavia o meu justo viverá pela fé” (Hebreus 10.38). A pessoa justa é aquela justificada pela fé, e o versículo diz que o justo terá vida pela fé. A fé não se adquire em universidades e muito menos em seminários teológicos; a fé se adquire em ouvir a Palavra de Deus. Uma vez adquirida, essa fé deve ser colocada em ação, se não for assim, não traz nenhum benefício.

A fé sem obras, como diz a Bíblia, não tem valor.

E bom esclarecer que não é através de boas obras que você vai conquistar as bênçãos de Deus, mas através da fé que impulsiona essas obras. Essa fé é a que faz possível o impossível acontecer; é a fé que agrada a Deus.

A Bíblia diz que “sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que se torna galardoador dos que o buscam” (Hebreus 11.6). Que maravilha! Lembre-se: e a sua fé em ação que vai fazer você conquistar aquilo que você quiser, pois quem determina o seu futuro é você mesmo. Se você faz a sua parte, Deus é obrigado a fazer a d’Ele.

“A fé é a única força capaz de combater todos os inimigos da nossa alma, da nossa vida. Falo de uma fé viva, não da fé estúpida”.

FÉ PRÁTICA X FÉ PASSIVA – Download

Equipe Movimento Universal – O Movimento é você quem faz…

Estudos Bispo Macedo – O Sacrifício da Fé

O SACRIFÍCIO DA FÉ

feDeus não é mágico. Mesmo assim a maioria dos cristãos insiste em pensar, acreditar e até esperar que Ele dê um toque transformador em suas vidas da noite para o dia. Eles, geralmente, esperam que um mínimo de esforço, em relação a Deus, é suficiente para obterem o retorno de acordo com seus anseios. E nessa ilusão se mantêm por algum tempo. Como o resultado não é o esperado, acabam desanimando. Daí a razão de se encontrar pelo mundo, afora, muitos supostos cristãos caídos e decepcionados.

Pouca gente sabe que, para o milagre acontecer, tem de haver uma operação conjunta entre a criatura e o Criador. Nenhum milagre descrito na Bíblia ocorreu apenas da parte de Deus. Não! Todos os milagres bíblicos tiveram mão dupla. Se observarmos cuidadosamente, verificaremos que cada um deles teve a participação do ser humano conjugado com Deus. Noé, por exemplo, para ter sua vida e a de seus familiares salvas do dilúvio, teve de obedecer à voz de Deus e construir a arca. O mesmo se deu com Abraão. Para que Deus pudesse fazer dele uma grande nação, primeiro ele teve de sacrificar-se em obedecer a Palavra de Deus e deixar a sua terra.

A libertação dos filhos de Israel da escravidão egípcia foi realizada em parceria entre Deus e Moisés. Para que o Senhor Jesus curasse o cego, foi necessário o seu clamor. E para ressuscitar Lázaro, os discípulos tiveram de remover a pedra do túmulo. Ora, podemos concluir, sem errar, que o milagre que esperamos em nossa vida depende primeiro da atitude que tomamos em relação a Deus.

Se estamos cansados da vida de sofrimento que vivemos e queremos em troca Uma nova, temos de apelar para Deus. Essa troca é possível somente pela fé. E pela mesma fé temos de estar dispostos a sacrificar nossa vida por inteiro para o Senhor Jesus. Enquanto ela não estiver totalmente rendida no altar divino, a vida nova jamais acontecerá. O que não se pode é conquistar uma nova vida e ao mesmo tempo manter a antiga, pois não é possível se ter duas vidas simultâneas. Daí a imperiosa necessidade do sacrifício pela fé.

É justamente isso proposto por Deus, quando diz: “Convertei-vos a mim de todo o vosso coração…” (Joel 2.12). O milagre do novo nascimento ou da nova vida acontece em duas fases:

Primeiro: A atitude do homem para com Deus – Ninguém nasce de Deus sem primeiro se converter ou se arrepender dos seus maus caminhos. Quando o Senhor diz: Convertei-vos a mim, Ele está sugerindo que nós mudemos nosso comportamento em relação a Ele. A pessoa não mente mais, não rouba mais, não adultera mais, não se prostitui mais, enfim, há uma mudança radical de atitudes, um real giro de 180 graus na direção de sua vida. Isso é conversão.

Segundo: A atitude de Deus para com o homem – Quando o Espírito Santo vê o esforço da pessoa em substituir sua vontade pela de Deus, então Ele vem sobre o fiel e transforma sua vida, concluindo assim a Sua participação no milagre do novo nascimento.

Em todos os demais milagres o processo tem de se repetir. Primeiro a ação da criatura em relação ao Criador; segundo a reação do Criador em relação à criatura. A partir de então temos o milagre. Como se vê, não existe nenhuma mágica, mas, sim, o resultado de um relacionamento prático entre o ser humano e Deus.

Deus abençoe abundantemente.

O SACRIFÍCIO DA FÉ – Download

Equipe Movimento Universal – O Movimento é você quem faz…